PSICOLOGIA NA ARBITRAGEM

A programação do encontro envolveu discussões sobre as contribuições da psicologia para o esporte e seu papel nas escolas de formação, tipos de habilidades psicológicas trabalhadas com o árbitro e a padronização nos treinamentos e diferenças regionais.

Profissionais se encontram para debater tema

25/09/2015 às 11:55 | Assessoria CBF

Créditos: CBF

O 2º Encontro Nacional dos Psicólogos da Arbitragem Brasileira, realizado entre os dias 22 a 24 de setembro, teve o objetivo de construir as diretrizes da psicologia na arbitragem de futebol. Organizado pela Escola Nacional de Arbitragem de Futebol (ENAF) e pela Comissão Nacional da Arbitragem de Futebol, o evento debateu questões relacionadas às técnicas de trabalho do psicólogo do esporte junto à arbitragem, desde os protocolos de treinamento até as avaliações.

Os trabalhos foram conduzidos por Marta Magalhães, psicóloga da Arbitragem Brasileira, com o apoio efetivo de Ana Paula Oliveira, secretária da ENAF, e Nilson Monção, vice-presidente da Comissão Nacional de Arbitragem de Futebol. O evento também contou com a participação dos psicólogos Diana Melo (PI), Gustavo Korte (SP), Alessandra Monteiro (MG) e Tassia Ramos (CE).

No primeiro dia, a programação do encontro envolveu discussões sobre as contribuições da psicologia para o esporte e seu papel nas escolas de formação. Já no dia 23, estiveram em pauta os tipos de habilidades psicológicas trabalhadas com o árbitro e a padronização nos treinamentos e diferenças regionais.

Outros encontros serão marcados para ajustar as demandas.

http://www.cbf.com.br/noticias/arbitragem/psicologos-da-arbitragem-se-encontram#.WJFXX_nhDIU

Vídeo com a Dra. Marta Magalhães

Autor: Sérgio Corrêa

Árbitro na Federação Paulista de Futebol (1981-2001) e da Confederação Brasileira de Futebol (1989 a 2001); Ocupou cargos administrativos nos sindicatos entre 1990-93 e 1996-03, Eleito e reeleito presidente para dois mandatos: o primeiro compreendido entre 03/02/2003 a 08/04/207 e o segundo, de 09/04/2007 a 08/04/2011. Deixou a função para assumir a presidência da CA-CBF. Pela Associação Nacional dos Árbitros de Futebol ocupou os cargos de secretário-geral, entre 25/10/1997 e 13/05/2003. Já, na Comissão de Arbitragem, foi secretário-geral entre 25/10/2005 e 06/08/2007. Nomeado presidente da CA-CBF em duas oportunidades, a primeira entre 07/08/2007 a 22/08/2012, a segunda, de 13/05/2014 a 28/09/2016. Também foi diretor-presidente da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol, entre 07/01/2013 a 12/05/2014. Atualmente, continua chefiando o DA (desde 22/08/12) e lidera o projeto de árbitro assistente de vídeo, nomeado junto a FIFA desde 15/09/2015.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: