Turma II de instrutores inicia

ARBITRAGEM

Turma II de instrutores inicia curso em Pinheiral

Em trabalho conjunto, a Comissão de Arbitragem da CBF e a Escola Nacional de Arbitragem do Futebol (ENAF) deram continuidade à programação de cursos da temporada 2018. Na última segunda-feira (29), a Turma II do Curso de Aperfeiçoamento para Instrutores de Árbitros iniciou os trabalhos no Centro de Treinamento de Excelência Dr. João Havelange, em Pinheiral (RJ). No total, serão 10 dias de atividades práticas e teóricas com os 19 instrutores regionais.

Presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Marcos Marinho acompanhou de perto os primeiros trabalhos realizados com a segunda turma no CT. Ao elogiar a nova metodologia aplicada, Marinho ressaltou a importância do debate com os instrutores regionais para a padronização da arbitragem brasileira.

– O objetivo principal é a padronização da arbitragem brasileira. O que nós buscamos é a uniformidade na aplicação da regra do jogo. Acho que é fundamental que nós tenhamos instrutores falando a mesma linguagem, passando as mesmas orientações com a metodologia única para que os árbitros possam assimilar de uma forma muito mais rápida o que queremos – analisou Marcos Marinho.

Após o dia de abertura, os participantes debateram as aplicações das regras do jogo na terça-feira (30). Através da apresentação de vídeos com lances selecionados, o ex-árbitro e instrutor da Confederação Brasileira de Futebol, Cláudio Vinícius Cerdeira e, o instrutor FIFA, Manoel Serapião Filho analisaram as tomadas de decisões dos árbitros e reforçaram as diretrizes da FIFA.

O segundo dia do curso também contou com a palestra de José Roberto Wright, ex-árbitro e atual vice-diretor da Escola Nacional de Arbitragem do Futebol (ENAF). Eleito o melhor árbitro da Copa do Mundo de 1990, Wright passou lições de postura e posicionamento dentro do campo.

Participantes da Turma II:

Almir Belarmino Caetano (RO)
Arthur Alves Júnior (SP)
Claudemir Maffessoni (SC)
Emerson Luiz Sobral (PE)
Erica Gonçalves Kraus (SC)
Francisco de Paula Santos Silva Neto (RS)
George Alves Feitosa (AL)
Giulliano Bozzano (MG)
Hilton Rodrigues Moutinho (RJ)
Ivaney Alves Lima (SE)
Joel Tolentino da Mata Junior (MG)
Jose Alexandre Barbosa Lima (RJ)
Kleber Jose de Melo (SP)
Marcelo Bertanha Barison (RS)
Marcos André Gomes da Penha (ES)
Milton Otaviano dos Santos (CE)
Reginaldo Vasconcelos Noronha (AM)
Vicente de Paula da Silva Moraes (GO)
Wagner dos Santos Rosa (RJ)

Autor: Sérgio Corrêa

Árbitro na Federação Paulista de Futebol (1981-2001) e da Confederação Brasileira de Futebol (1989 a 2001); Ocupou cargos administrativos nos sindicatos entre 1990-93 e 1996-03, Eleito e reeleito presidente para dois mandatos: o primeiro compreendido entre 03/02/2003 a 08/04/207 e o segundo, de 09/04/2007 a 08/04/2011. Deixou a função para assumir a presidência da CA-CBF. Pela Associação Nacional dos Árbitros de Futebol ocupou os cargos de secretário-geral, entre 25/10/1997 e 13/05/2003. Já, na Comissão de Arbitragem, foi secretário-geral entre 25/10/2005 e 06/08/2007. Nomeado presidente da CA-CBF em duas oportunidades, a primeira entre 07/08/2007 a 22/08/2012, a segunda, de 13/05/2014 a 28/09/2016. Também foi diretor-presidente da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol, entre 07/01/2013 a 12/05/2014. Atualmente, continua chefiando o DA (desde 22/08/12) e lidera o projeto de árbitro assistente de vídeo, nomeado junto a FIFA desde 15/09/2015.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: