MELHORES DA S/A – 11ª rodada

OMISSÃO DE ARBITRAGEM DA CBF

07/07/2017 às 12:28 | Assessoria CBF

Ranking da arbitragem no Brasileirão: 11ª rodada

Créditos: Cesar Greco/Palmeiras

A Comissão de Arbitragem da CBF divulgou as melhores equipes da 11ª rodada do Brasileirão. Os vencedores do ano serão determinados pela soma da pontuação contabilizada durante todo o campeonato. O ranking está sendo elaborado a partir dos dados do sistema de análise de desempenho usado pela entidade.

ARBITRAGEM – BRASILEIRÃO – 11ª RODADA

Fluminense 3 x 3 Chapecoense, 3 de julho, segunda-feira (20h), Giulite Coutinho, Mesquita (RJ)
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadao (GO)
Árbitro Assistente 1: Fabricio Vilarinho da Silva (GO)
Árbitro Assistente 2: Cristhian Passos Sorence (GO)
Quarto Árbitro: Edson Antonio de Sousa (GO)
Árbitro Assistente Adicional 1: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Árbitro Assistente Adicional 2: Bruno Rezende Silva (GO)

Vitória 0 x 0 Bahia, 2 de julho, domingo (16h), Manoel Barradas, Salvador (BA)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Árbitro Assistente 1: Alex Ang Ribeiro (SP)
Árbitro Assistente 2: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)
Quarto Árbitro: Alberto Poletto Masseira (SP)
Árbitro Assistente Adicional 1: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Árbitro Assistente Adicional 2: Marcio Henrique de Gois (SP)

Flamengo 2 x 0 São Paulo, 2 de julho, domingo (16h), Luso Brasileiro, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Árbitro Assistente 1: Jorge Eduardo Bernardi (RS)
Árbitro Assistente 2: Mauricio Coelho Silva Penna (RS)
Quarto Árbitro: Jose Eduardo Calza (RS)
Árbitro Assistente Adicional 1: Roger Goulart (RS)
Árbitro Assistente Adicional 2: Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS)

Autor: Sérgio Corrêa

Árbitro na Federação Paulista de Futebol (1981-2001) e da Confederação Brasileira de Futebol (1989 a 2001); Ocupou cargos administrativos nos sindicatos entre 1990-93 e 1996-03, Eleito e reeleito presidente para dois mandatos: o primeiro compreendido entre 03/02/2003 a 08/04/207 e o segundo, de 09/04/2007 a 08/04/2011. Deixou a função para assumir a presidência da CA-CBF. Pela Associação Nacional dos Árbitros de Futebol ocupou os cargos de secretário-geral, entre 25/10/1997 e 13/05/2003. Já, na Comissão de Arbitragem, foi secretário-geral entre 25/10/2005 e 06/08/2007. Nomeado presidente da CA-CBF em duas oportunidades, a primeira entre 07/08/2007 a 22/08/2012, a segunda, de 13/05/2014 a 28/09/2016. Também foi diretor-presidente da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol, entre 07/01/2013 a 12/05/2014. Atualmente, continua chefiando o DA (desde 22/08/12) e lidera o projeto de árbitro assistente de vídeo, nomeado junto a FIFA desde 15/09/2015.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: